domingo, 30 de novembro de 2008

A oitava maravilha do mundo é teu corpo.
O maior pecado é o oceano de teus olhos
Que refletem a via lactea.
Ou será a via lactea
Que teus olhos refletem.

Em tua pele
a infinidade de universos
Onde minhas palmas deslizam
Em doce percurso
O mundo inteiro começa e acaba em ti.

Mergulho nos arbustos negros
Que ornam o portal concavo de tua taça
Nele respiro o prana,
Tempero alquimico de tua flôr
Ora entre meus dentes e o coração.

Lambuzo o rosto
Modelando tua carnosa fruta
limiar da energia criadora
Cadinho onde fogo e agua
Geram balsamos tecem vidas.

Arremeto no teu ventre,
O universo pulsa e semeia pecado
No oscilar de tuas ancas,
Ou seria o oscilar de tuas ancas
O ritmo do universo

Na paisagem
o amor se espalha se espelha
Tua voz peca ao sussurar meu nome
Serpenteamos, desfalecemos e repousamos
Sob o céu que nos margeia

Na certeza de um vôo perfeito,
Em teus braços não sou mais eu mesmo
Beija flor voando leve
Sobre canteiro de orquídeas e jasmins,
Sou livre porque sou teu escravo.

7 comentários:

  1. Muito bom, Vilemar!
    Você está de parabéns pela qualidade de seus versos. Em estilo inteligente e bem cuidado, você soube transmitir seus pensamentos e as emoções poéticas.
    Voltarei sempre.
    Abração do,
    José Calvino
    Recife

    ResponderExcluir
  2. Muito lindo, Vilemar! "O mundo inteiro começa e acaba em ti." Parabéns, Poeta!

    ResponderExcluir
  3. Muito bonito, poeta.~
    Só naõ sei por que não o colocas no grupo e no nosso blog?
    Dúvidas...

    ResponderExcluir
  4. Jeito lindo e poético de contar "detalhes tão pequenos de nós dois", Vilemar.
    Adorei.
    Abraços,

    Conceição

    ResponderExcluir
  5. Penso que amar seja o hábito de cultivarmos incessantemente os imperativos de nossa liberdade.

    Abraços, meu caro poeta Vilemar!

    ResponderExcluir
  6. Bonito, Vilemar! Ainda não conhecia seu blog.
    Um abraço,

    ResponderExcluir
  7. gosto sobretudo do jogo com as palavras.
    a descrição está sutil e bela

    bijok

    ResponderExcluir